sábado, 23 de outubro de 2010

Lara Croft e o Guardião da Luz, premissa de bons tempos?

"Um arco de elementos bem aproveitados e encaixados. Se este é o vislumbre de uma nova série protagonizada por Lara Croft, que a diversidade e criatividade sejam prioridade sempre. The Guardian of Light pode ser a solução que a franquia usará para voltar a surpreender os jogadores e atrair uma nova fatia do público."

- Gilsomar Livramento, publicado em Dicas e Truques para Playstation (nº 141, out/2010).

Talvez seja difícil aceitar a realidade que vinha envolvendo a franquia Tomb Raider. Para os fãs, fiéis e incansáveis, a divulgação de um novo jogo empolgava a comunidade online e promovia muita agitação nos fóruns. Era Tomb Raider, afinal. Após o lançamento, entretanto, com relutância, era preciso admitir que pouco havia de inovador em tudo aquilo que nos estava sendo apresentado. Era ótimo viver uma nova aventura com nossa querida Lara, mas percebíamos que o cerco estava se fechando em torno da série.

Lara Croft, infelizmente, não mais estava atraindo novos jogadores, do contrário, acabava perdendo alguns faz um bom tempo. Não é preciso lembrar que isso é sinônimo concreto de problemas para a desenvolvedora e a distribuidora. Na época, Crystal Dynamics e Eidos Interactive, respectivamente. Ocorre, então, a compra da Eidos Interactive pela empresa famosa por jogos como Final Fantasy: a Square Enix. Alguns se apressam em contestar a decisão, outros retraem-se, mas volta a acontecer uma agitação entre todos.

Dia vai, dia vem e tal empresa resolve anunciar uma série paralela à Tomb Raider, iniciada por Lara Croft. O primeiro jogo, com o nome de The Guardian of Light, iria ser lançado dentro de não muito tempo - online. Sem problemas, a não ser pelo fato de prometerem uma mudança drástica no modo como jogar - visão isométrica e outras tantas diferenças. Vaias, dúvidas e, em menor quantidade, aplausos. Mas o fervo persistiu.

Acontece então o inesperado: um jogo que, ao que tudo indicava, seria algo "light" para entreter os fãs em um período estagnado, começa a ganhar prêmios e reverberar por todos os cantos da internet. Isso tudo certamente atordoou vários de nós, mas seguia o trem com suas novidades. Lançado o jogo e novamente a surpresa: é, sim, realmente muito divertido jogar O Guardião da Luz! É, contudo, um desvio do padrão que desagradou a muitos. Mas, lembrando novamente: o game continuou gerando resultados (todos discutiam-no!).

Decorrido um período desde o lançamento, ainda adquirimos novas possibilidades: jogar online. É impossível negar que a troca no comando do jogo movimentou todos e colhe bons futos até o momento. Goste ou não, aprove ou não, a Square parece estar reacendendo uma chama e, como na citação inicial, atraindo uma fatia de jogadores novamente. Isso tudo parece ser um reboot para Lara, apesar de não o ser. Fica então a pergunta: o game é a premissa de bons tempos? Resta esperar para saber, mas enquanto isso continuaremos aproveitando tudo de bom que está sendo feito, além de ansiar o anúncio da próxima etapa de Tomb Raider (a resposta final para nossas dúvidas). Apostemos na Square e torçamos por ela, o certo é que em breve novas agitações virão e, com elas, um "sopro de vida" para nossa querida musa!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Lara's Backpack

Lara's Backpack
Lara Croft and Tomb Raider are trademarks or registered trademarks of Square Enix Ltd

Estatisticas

* Online desde 2003
* Totalmente Português Europeu
* Fansite oficial desde 2009
* Mais de 260.000 visitas desde 2010
* Mais de 1.700 artigos

Random

randomposts